O protocolo de restaking Ether.fi atingiu níveis recordes em termos de depósitos e valor total bloqueado (TVL). De acordo com os dados, esse aumento ocorreu logo após a aprovação dos ETFs de Ethereum (ETH) nos Estados Unidos.

Publicidade

O Ether.fi recebeu mais de 270.000 ETH, o que corresponde a US$ 995 milhões nos últimos dez dias. Mas esse fluxo cresceu especialmente nas últimas horas, quando saiu a notícia da aprovação dos ETFs.

Como resultado, o TVL do protocolo subiu de US$ 4 bilhões para US$ 5,4 bilhões, um recorde histórico de acordo com o site DeFi Llama.

Esse influxo mostra que os investidores estão mais otimistas para investir em novas estratégias ligadas ao ETH. Nesse sentido, o restaking é uma das apostas mais promissoras do mercado.

O restaking é uma estratégia usada pelos traders para obter um rendimento extra no Ether que já está em staking na blockchain Ethereum. Com essa modalidade, eles podem criar uma alavancagem em cima do token ETH em Staking.

Em outras palavras, uma pessoa pode usar um token de ETH em staking (por exemplo, o stETH) e realizar outras operações. Dessa forma, ela pode receber um retorno maior. É uma maneira de maximizar o potencial de ganhos do seu investimento em criptomoedas com ETH que já estão rendendo. As operações no Ether.fi oferecem atualmente um rendimento anual de 3,48% em cima do restaking.

Publicidade

O futuro do restaking nos ETFs

O aumento da atividade pode sugerir que os investidores procuram ganhar exposição ao ecossistema Ethereum, ao mesmo tempo que apostam se os fundos poderão realizar staking no futuro.

As oito propostas de ETFs aprovadas na quinta-feira (23) não possuem o serviço de staking por questões regulatórias. A Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) classifica o staking como um valor mobiliário. Por isso, a inclusão da modalidade poderia dificultar a aprovação dos ETFs.

Contudo, Mike Silagadze, da Ether.fi, disse que será uma “questão de tempo” até que os ETFs de ETH comecem a implementar apostas e o restaking para gerar rendimento para os acionistas.

Publicidade

“Acho que há dúvidas se o staking, especialmente o staking líquido, transforma o ETH em um valor mobiliário”, disse Silagadze. “Acho que tudo vai começar: você terá ETFs ETH que são contratados ou executam sua própria infraestrutura, esses nós serão compatíveis e censurados e tudo mais, mas terão um bom rendimento integrado”.

Silagadze acrescentou que a aprovação da SEC ajudará a mudar a narrativa à medida que mais pessoas tomem conhecimento do Ethereum e dos contratos inteligentes. O token Ether.fisive (ETHFI) se beneficiou dos novos recordes e teve alta de 41% nos últimos sete dias.

 

 

 

 

 

 

Source: CriptoFacil

Share.