No começo de novembro de 2023, a exchange de criptomoedas Poloniex sofreu um grande ataque hacker que resultou na perda de mais de US$ 100 milhões. Agora, quase seis meses depois do ataque, o hacker moveu parte desses fundos pela primeira vez.

Publicidade

De acordo com dados da blockchain, o hacker enviou 1.100 Ethereum (ETH) para o mixer Tornado Cash, com o objetivo de ocultar a origem dos fundos. Com base no preço atual, o valor corresponde a cerca de US$ 3,3 milhões.

Segundo dados do explorador de blocos Etherscan, o endereço permaneceu inativo por exatos 178 dias até fazer a transação nas primeiras horas desta terça-feira (7). O Etherscan marcou a carteira como responsável pelo ataque contra a Poloniex, o que provavelmente motivou o hacker a enviar os ETH para o Tornado Cash.

Publicidade
  • Leia também: Bitcoin Hoje 07/05/2024: BTC permanece em US$ 64.000 e memecoins caem

Mais operações do hacker

Além disso, o hacker também enviou 501 Bitcoins (BTC) para uma carteira não rotulada, ou seja, não foi possível identificar a origem do endereço. Essa transação ocorreu no dia 30 de abril, uma semana antes da transação para o mixer Tornado Cash.

Publicidade

Considerando o valor atual do BTC, essa transação movimentou cerca US$ 32 milhões, um terço do valor roubado da Poloniex. Mas o endereço ligado ao hacker ainda detém um total de US$ 181 milhões em criptomoedas. Portanto, o hacker deve ter feito outros ataques além da exchange.

O Tornado Cash é um protocolo que permite aos usuários ofuscar tokens cripto misturando ativos em várias carteiras durante um período prolongado de tempo. O mixer foi sancionado pelo Departamento do Tesouro dos EUA em 2022, logo depois de ter sido usado pelo grupo de hackers norte-coreano Lazarus.

A empresa de segurança Blockchain Elliptic disse em março que o Lazarus Group usou o Tornado Cash para lavar US$ 12 milhões do ataque contra a Heco Bridge, que ocorreu logo após o hack da Poloniex.

Já a Poloniex confirmou a identidade do hacker logo após o ataque e ofereceu uma recompensa de US$ 10 milhões pela devolução dos fundos, mas não recebeu nenhuma resposta.

  • Leia também: Rede Bitcoin celebra 1 bilhão de transações
 
 

Source: CriptoFacil

Share.