Em um tuíte recente, Paolo Ardoino, CEO da Tether, destacou os esforços da empresa para sustentar um ecossistema financeiro global, mantendo a conformidade regulatória e colaborando com agências de aplicação da lei para combater atividades criminosas.

Publicidade

O CEO da Ripple, Brad Garlinghouse, expressou preocupação com o escrutínio do Tether pelo governo dos Estados Unidos durante uma entrevista no canal World Class do YouTube.

Embora não tenha rotulado qualquer ação potencial contra a stablecoin como um evento de cisne negro, Garlinghouse previu que um incidente desse tipo poderia ocorrer em breve. Ele considera a potencial saga do Tether com as autoridades dos EUA interessante. Ao mesmo tempo, as julga preocupante para o mercado.

O presidente-executivo da Tether reagiu chamando Garlinghouse de “um CEO desinformado”. Ele apontou que a Ripple está sendo investigada pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA. O regulador, inclusive, questionou os planos da empresa de lançar sua própria stablecoin nos próximos meses.

Publicidade
  • Leia também: Brasil é o país latino-americano que mais se interessa por memecoins e shitcoins

Tether x Ripple

Ardoino também enfatizou a segurança do ecossistema USDT. Segundo ele, a stablecoin e outros produtos da Tether estão em conformidade com as listas de sanções do Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros dos EUA.

Publicidade

A colaboração com agências de aplicação da lei em mais de 40 países permitiu bloquear mais de 1,3 bilhão de dólares em criptomoedas e cerca de 339 carteiras associadas a atividades financeiras ilícitas.

Ele apontou que a Tether acredita que sua missão é garantir um ecossistema financeiro global seguro, “A USDT demonstrou estabilidade de preços, reservas líquidas e conformidade sólida, diferenciando-se de outros emissores de stablecoin”, disse.

Embora Garlinghouse tenha expressado preocupação com a Tether, a Ripple não está em uma situação muito confortável com os reguladores nos EUA. Afinal, o processo do XRP com a SEC ainda não chegou ao fim. Além disso, o cenário vem se tornando desfavorável para o token.

As recentes declarações da SEC contra a stablecoin da Ripple também jogaram um banho de água fria no ativo que ainda não chegou ao mercado.

  • Leia também: Terceiro maior banco dos EUA investe em ETF de Bitcoin, revela SEC

Source: CriptoFacil

Share.