O staking está se popularizando no mercado financeiro tradicional. Prova disso é que grandes gestoras que apresentaram pedidos de lançamento de fundos negociados em bolsa (ETFs) de Ethereum spot estão incluindo o staking na proposta. Este foi o caso da Fidelity e agora é o da Grayscale.

Publicidade

Após a Fidelity, a Grayscale Investments informou que está considerando adicionar staking ao seu fundo de Ethereum proposto, de acordo com uma declaração preliminar apresentada na terça-feira.

A empresa propôs quatro itens aos investidores em uma “declaração de solicitação de consentimento”. Os itens incluem um processo de criação e resgate envolvendo dinheiro e a capacidade de realizar staking de Ethereum por meio do trust.

Publicidade

“A Grayscale acredita que permitir que o Trust faça staking do Ethereum detido pelo Trust em troca de contraprestação ajudaria o Trust a mitigar as pressões inflacionárias resultantes do protocolo de prova de participação do Ethereum, preservando assim o valor do Trust Estate para o benefício final dos acionistas da ETHE, e também colocaria o Trust em uma posição para manter a paridade com quaisquer produtos de investimento em situação semelhante que prevejam o staking de Ethereum”, disse a empresa na declaração preliminar de procuração.

  • Leia também: Avalanche (AVAX) pode quebrar padrão corretivo e subir 20%, aponta analista

Grayscale também está interessada em staking de ETH

Publicidade

Essa iniciativa ocorre ao mesmo tempo em que outras empresas competindo por um ETF de Ethereum à vista também adicionaram o staking em suas propostas. Conforme noticiou o CriptoFácil, a Fidelity alterou seu pedido de ETF de Ethereum para incluir o staking da criptomoeda na segunda-feira.

Em outubro, a Grayscale submeteu um Formulário 19b-4 junto com a NYSE Arca para converter o fundo Grayscale Ethereum em um ETF de Ethereum à vista. Além disso, a Grayscale já havia apresentado um pedido para converter seu fundo de Bitcoin em um ETF de Bitcoin à vista, que foi aprovado com sucesso após uma vitória no tribunal e aprovação subsequente da SEC em janeiro.

Apesar da aprovação dos ETFs de Bitcoin à vista pela SEC em janeiro, o caminho para a aprovação de um produto similar para Ethereum não parece tão promissor. O analista de ETF da Bloomberg, James Seyffart, expressou sua expectativa de que os reguladores rejeitarão os ETFs de Ethereum até 23 de maio.

“Minha atitude cautelosamente otimista em relação aos ETFs de Ethereum mudou nos últimos meses”, postou Seyffart no X. “Agora acreditamos que a SEC os negará no dia 23 de maio. A SEC não se envolveu com os emissores sobre detalhes específicos do Ethereum. Exatamente o oposto dos ETFs de Bitcoin neste outono.”

  • Leia também: Bitcoin Hoje 20/03/2024: BTC enfrenta forte volatilidade e PEPE lidera alta

Source: CriptoFacil

Share.